André Janones segue crescendo e já a verdadeira 3ª VIA

A menos de um mês do início oficial da campanha para as eleições do novo Presidente da República, todas as pesquisas seguem registrando um crescimento constante e expressivo do candidato do Avante, André Janones.

A mais recente, divulgada na primeira semana de julho, mostra Janones à frente da senadora Simone Tebet, chamada pela mídia de “a candidata da 3ª via”, codinome que, por justiça, deveria ser creditado à candidatura do fenômeno eleitoral chamado Janones.

Segundo analistas mais cuidadosos, erram os que creditam o crescimento constante de opções por sua candidatura apenas ao seu sucesso nas redes sociais.

Na verdade, para eles, esse crescimento vertiginoso nas pesquisas, se devem também ao seu raro poder de comunicação e sua rara capacidade de transmitir verdade em todos os seus pronunciamentos públicos.

O mais recente caso em que isso ficou evidenciado foi a entrevista concedida pelo candidato à jornalista Renata Lo Prete, da Rede Globo e Globo News. Bem articulado, com respostas consistentes e diretas, sem tergiversar em nada, Janones deixou claro porque tem tudo para sair dessas eleições como a grande surpresa eleitoral da política brasileira.

Se juntarmos isso à sua história de vida, de uma vida modesta, na periferia, e uma infância sem luxos, além de muita luta para alcançar um lugar de destaque no cenário nacional, fica fácil de entender o alcance de suas redes sociais e o crescimento constante nas pesquisas eleitorais.

O eleitor brasileiro se identifica com ele, compra sua causa, “veste sua camisa”. E quando isso acontece, uma candidatura modesta como a dele pode chegar a posições surpreendentes. Afinal, não há limites para a adesão a uma candidatura que é vista pelo povo como a de alguém igual a ele, o típico caso em que o cidadão vê e define o candidato como alguém “gente como a gente”.