Projeto de Campos Machado que derruba taxa em aposentadoria de servidores irá para votação no plenário

O PDL 24, de autoria do deputado Campos Machado, líder estadual do Avante, foi aprovado na Comissão de Finanças, Orçamento e Planejamento da ALESP, em reunião virtual realizada na última semana.

O PDL, que havia sido anexado ao de número 22, do deputado Carlos Gianazzi, tem como objetivo a suspensão do confisco das aposentadorias de todos os servidores públicos do estado de São Paulo, irá agora para votação no Plenário da Assembleia.

A questão começou em 2020, quando o ex-governador criou o Decreto nº 65.021/20, descontando, a partir de então, de 11 a 16% das aposentadorias e pensões dos servidores públicos do Estado.A votação, que irá agora ao plenário, depende de aprovação para esses descontos absurdos sejam finalmente barrados.

“Há dois anos lutamos contra este Decreto, agora o PDL será votado e tenho certeza de que nossa espera não terá sido em vão, já que tenho certeza de que, finalmente, vamos conseguir derrubar essa taxação enorme dos servidores”, declarou Campos Machado.